Peça teatral provoca reflexão na Semana do Meio Ambiente

0 0

Uma peça teatral diferente, abordando o emaranhado dos conflitos da vida cotidiana, as amarras que aprisionam e distanciam o nosso olhar para o que é essencial: essa foi mais uma das atividades da 5ª Semana do Meio Ambiente, que atraiu uma plateia variada ao Núcleo de Educação Ambiental do Viveiro Municipal na tarde desta terça-feira (7). A programação da Semana do Meio Ambiente segue até sábado (leia texto a seguir).

Educadores das escolas municipais, alunos da escola técnica, população em geral, o prefeito Hamilton e os secretários municipais de Educação, João Roberto Costa de Souza, e de Meio Ambiente, José Fernandes da Silva, prestigiaram a apresentação, marcada por um cenário atrativo, composto por muitas cordas cheias de nós com atores pendurados nas cordas.

Além do cenário diferenciado, a peça abordou um tema atual e dentro da proposta da 5ª Semana do Meio Ambiente, que é Educação Ambiental. Após o espetáculo, o grupo abriu para um bate-papo com a participação do público e foram abordados diversos assuntos como o consumismo, a falta de diálogo e uma reflexão do papel do educador na sociedade de hoje. A educadora Luciana Vieira, que trabalha na Emef Joaquim Passos, foi uma das pessoas que participou do evento: “é muito o nosso dia a dia. Hoje está tudo acelerado”.

“Meio ambiente é o meio em que vivemos”, destacou o prefeito Hamilton. Ele aproveitou para ressaltar as ações que a Administração tem feito para melhorar a qualidade de vida das pessoas, como a criação de novas praças, ampliação da varrição da cidade e da coleta seletiva, além da despoluição do Córrego do Turi que vai ampliar o índice de tratamento de esgoto para 70% (hoje, o índice é de 20%).

Quem participou das atividades no Núcleo de Educação Ambiental pôde levar para casa uma muda de planta medicinal como poejo, hortelã, melissa e alecrim. As mudas são produzidas no próprio Viveiro.

Programação da 5ª Semana tem atividades até sábado

A manhã desta quarta-feira (8) começou com plantio de 175 árvores na região do bairro Santa Maria. Esta ação faz parte da compensação ambiental por parte do Walmart, que está construindo uma loja na região. O entorno da Nova Avenida receberá árvores de até dois metros de altura, com espécies como Ipê (branco, rosa e amarelo), Oitizeiro e Manacá da Serra.

Além das atividades que ocorrerão durante a semana, quem quiser conhecer um pouco mais sobre o Viveiro Municipal pode visitar o EducaMais Espaço Centro, que está com a exposição “Fauna e Flora”, do fotógrafo Jarbas Mattos.

Confira a programação completa:

Quarta-feira (8/6):

Visita ao Projeto Kalunga que realiza recuperação e soltura de animais silvestres credenciados pelo Ibama por iniciativa privada em área nas margens da represa Jaguari.

Saída: Parque da Cidade às 8h e retorno às 11h30

Saída: Parque da Cidade às 13h e retorno às 16h30

10h – Projeto“Sementes em Ação” na Escola Ottilia Arouca – Bairro Rio Abaixo

Realização: Grupo GTMA e NEA Fibria

19h – Fórum “Recursos Hídricos”

Realização: Comitê de Águas Municipais – CAM Jacareí

Local: Faetec

Quinta-feira (9/6):

Trilha Ecológica no Viveiro Municipal: aberta a todas as pessoas que tenham interesse em conhecer um pouco mais sobre a biodiversidade local.

Horários: 9h às 11h e 14h às 16h

Local: Rua Teófilo Teodoro Rezende, 39, Campo Grande

Visita ao Aterro Sanitário: Com nota 9,6 pela avaliação do IQR (Índice de Qualidade de Aterro de Resíduos) da Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo), o Aterro Sanitário de Jacareí funciona na Fazenda Itaguaçu, no bairro Cidade Salvador. O local recebe cerca de 150 toneladas de resíduos por dia.

Saída: Parque da Cidade às 9h e retorno às 11h

9h – Plantio de árvores nativas no LEV da Avenida Malek Assad e canteiro central da Avenida Engenheiro Davi Monteiro Lino

Realização: JAM “Projeto Aprendiz”

19h – Cinedebate com exibição do filme “FLOW”

No início do século XXI, o mundo vive uma crise de água sem precedentes. Nosso bem natural mais valioso está sendo constantemente poluído e a água potável, privatizada por um emergente cartel internacional. Cientistas e ativistas analisam o crescimento vertiginoso da crise, indicando suas questões políticas e econômicas e apontando os principais responsáveis, entre empresas e governos. Mas nem tudo está perdido: um grupo de pessoas e instituições dedica-se a encontrar soluções práticas, desenvolvendo novas tecnologias e transformando-se em exemplo para uma possível virada global.

Local: Auditório da Secretaria de Educação – Rua Lamartine Delamare, Centro

Organização: Comitê das Águas em Jacareí – CAM Jacareí

Sexta-feira (10/6):

Trilha Ecológica no Viveiro Municipal: aberta a todas as pessoas que tenham interesse em conhecer um pouco mais sobre a biodiversidade local.

Horários: 9h às 11h e 14h às 16h

Local: Rua Teófilo Teodoro Rezende, 39, Campo Grande

Visita ao Aterro Sanitário: Com nota 9,6 pela avaliação do IQR (Índice de Qualidade de Aterro de Resíduos) da Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo), o Aterro Sanitário de Jacareí funciona na Fazenda Itaguaçu, no bairro Cidade Salvador. O local recebe cerca de 150 toneladas de resíduos por dia.

Saída: Parque da Cidade às 9h e retorno às 11h

19h30 – Mesa redonda: “Política nacional de resíduos sólidos em Jacareí”

Realização: Ciesp e Prefeitura Municipal de Jacareí

Local: Ciesp – Avenida Antônio Ferreira Rizzini, 450, Jardim Elza Maria

Sábado (11/6):

13h às 19h – Oficina gratuita no Parque da Cidade: Cortina de fuxico, com a artesã Rosilene Masiero.

Mais informações sobre a programação e as inscrições para os cursos e passeios podem ser feitas pelo telefone (12) 3955-9800.

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %


Comentar via Facebook

Comentário(s)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.