Deputado de Jacareí apresentou apenas um projeto na Assembleia, que não foi aprovado

0 0

Marco Aurélio Souza (PT), padre Afonso Lobato (PV) e Hélio Nishimoto (PSDB): todos estes deputados estaduais passaram em branco o primeiro ano de mandato, sem aprovarem nenhum projeto de lei. O deputado estadual petista de Jacareí apresentou apenas um projeto, enquanto padre Afonso propôs 16 e Nishimoto protocolou 11.

Os deputados justificam a falta de projetos aprovados com atuações em frentes parlamentares, visitas à população e muitos debates.

Os deputados também trouxeram emendas no orçamento do Estado para a região. Marco Aurelio conseguiu R$ 160 mil para a aquisição de equipamentos, como para uma UPA em Santa Branca.

Afonso Lobato conseguiu R$ 980 mil para Hospitais da região e Hélio Nishimoto conseguiu R$ 1.085 em emendas. Uma as beneficiadas foi a Associação Casa Fonte de Vida de Jacareí (R$ 80 mil).

É bom lembrar que cada deputado tem direito à reembolso de suas despesas e ganha R$ 12 mil mensais. Ele tem também tem direito a dois carros e pode contratar 16 ajudantes. Além de tudo isso, existe a verba de reapresentação: R$ 20 mil por mês, para gastar com roupa, pedágio e combustível. O custo total de cada deputado chega a R$ 100 mil por mês ao Estado.

O que os leitores do Nossa Jacareí pensam sobre o trabalho dos deputados da região? Vale o alto salário e os benefícios?

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %


Comentar via Facebook

Comentário(s)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.