Câmara autoriza prefeitura a gastar mais 6 milhões com obra do Turi; saiba como foi a sessão de terça-feira

0 0

Os vereadores da Câmara Municipal de Jacareí aprovaram por nove votos favoráveis e quatro contrários, o projeto assinado pelo prefeito Hamilton Ribeiro Mota (PT) que autoriza o Executivo a abrir crédito adicional especial no valor de R$ 6 milhões, destinado às obras de saneamento do SAAE (Serviço Autônomo de Água e Esgoto), financiadas pelo BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social).

De acordo com o prefeito, na justificativa do projeto, a solicitação se faz necessária, considerando que a conclusão das Obras de Saneamento do Córrego do Turi estava prevista para 2011. No entanto, o BNDES liberou apenas uma parcela dos recursos no final daquele exercício, restando outra parcela a ser liberada em 2012.


Adiamento –
O presidente do Legislativo, vereador Itamar Alves (PDT) solicitou o adiamento por três sessões do projeto de Resolução que propõe a redução do recesso parlamentar que ocorre no final/início de sessão legislativa, de 45 para 30 dias.

Itamar também é o autor do projeto do projeto de lei, aprovado por nove votos favoráveis e três contrários, que institui a Corrida de Pedestre Atleta de Jesus em Jacareí. Segundo o presidente, o evento visa cooperar efetivamente com as igrejas locais e outras organizações cristãs, promovendo a integração entre elas e principalmente entre os esportistas e os torcedores por elas motivados.

A competição deve ser realizada anualmente, no primeiro domingo após o feriado de Corpus Christi. O percurso terá no mínimo 5km e no máximo 10km, com saída e chegada na área central da cidade. A propositura prevê ainda parcerias entre o Executivo e empresas privadas para a doação de troféus.


Homenagens –
O vereador José Antero (PMDB) apresentou dois projetos de denominação, aprovados por aclamação. A EMEI (Escola Municipal de Ensino Infantil) localizada na Vila Formosa receberá o nome de Thiago Silva Santos. O jovem foi aluno da escola que fica no bairro onde nasceu. Foi aprendiz na Embraer e em 2006 voltou para a empresa como funcionário. Estava cheio de planos quando realizou seu sonho de comprar uma moto, uma de suas paixões. Há cinco anos morreu vítima de um acidente a caminho do trabalho.

A atual rua Dois, no Jardim Califórnia, terá o nome de Durvalina de Melo Cardoso, que gostava muito de bordar meias com suas irmãs. Na década de 40, Durvalina trabalhou na indústria têxtil, como costureira e depois tricoteira. Nesse período conheceu Isvaldo dos Santos Cardoso, com quem se casou.

Dentro das suas possibilidades, ajudou pessoas com relação ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), providenciando a documentação necessária para quem a procurava. Pela sua habilidade e bondade, ensinava gratuitamente a arte de tricotar e os trabalhos que realizava fazia questão de doar para entidades assistenciais.

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %


Comentar via Facebook

Comentário(s)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.