São José Basketball mostra força do elenco para chegar às semifinais

0 0

Na série de jogos contra o Franca, pelas quartas de final do NBB, o São José sofreu o desfalque no ala-pivô Jefferson, que tem sido um dos principais jogadores da temporada. Com um problema nas costas, o atleta foi obrigado a ficar de fora das três partidas da série e abriu espaço para jogadores que estavam no banco como Chico e Álvaro.

Os reservas foram bem em suas apresentações durante os três jogos. Dando conta do recado, os dois atletas amenizaram a falta de Jefferson, e fizeram com o que o time, em momento algum, tivesse a necessidade de contar com Jefferson para vencer a partida. Assim, o São José mostrou ter um elenco forte e que tem um banco capaz de substituir suas peças à altura, tanto ofensivamente, quanto defensivamente.

– Com a contusão do Jefferson, eu tentei aproveitar ao máximo meu tempo em quadra para ajudar a equipe. Na primeira partida, consegui converter as bolas de três, o que não aconteceu nas outras duas partidas. No entanto, tentei defender com intensidade todos os momentos que estava em quadra – disse o ala-pivô Chico, do São José.

Em Franca, no primeiro jogo, Chico fez 15 pontos e conseguiu cinco rebotes durante 28 minutos de jogo e, assim, tornou-se um dos jogadores com grande eficiência. Álvaro fez dois pontos e pegou um rebote, em 11 minutos.

– Quando o ataque não está dando certo, o mínimo que tenho que fazer é tentar que o adversário não pontue. No geral, acho que consegui fazer boas partidas e no momento em que os meus arremessos não estavam caindo, o Álvaro entrou e pontou bem – analisou o atleta joseense.

E foi o que aconteceu no segundo duelo. Em São José, Álvaro Calvo teve mais tempo e, próximo de 22 minutos em quadra, o espanhol fez 16 pontos e conseguiu três rebotes. Chico, por sua vez, em 17 minutos, converteu quatro pontos e teve dois rebotes. Na terceira e última partida, somados, os dois atletas conseguiram 17 pontos, quatro rebotes e três assistências ajudando assim o São José à chegar em uma inédita semifinal.

– Time vencedor é assim mesmo, quando algum jogador machuca o time inteiro faz um pouco a mais para ganhar os jogos. Tivemos alguns exemplos durante a temporada, o Fúlvio, o Jefferson e o Murilo entre outros, se machucaram e todas as vezes o grupo conseguiu suprir a falta de um ou dois desses jogadores – finalizou.

Outra prova disso, foi o grande desempenho do promissor Ricardo Fischer, que na primeira partida, em Franca, recebeu elogios e teve bons números ao entrar no lugar de Fúlvio, sendo importante para a equipe.

O São José aguarda a definição das outras chaves para saber seu adversário nas semifinais, que deverão ter início na próxima semana. Além disso, Jefferson deverá retornar ao time após o problema nas costas.

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %


Comentar via Facebook

Comentário(s)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.