Prefeitura não cumpre prazos de entrega de obras

0 0

Fotos e reportagem: Aurelio Moraes

Na manhã desta terça (8), a equipe do Nossa Jacareí flagrou diversas obras da prefeitura municipal que já deveriam ter sido entregues, mas estão muito atrasadas.

 

No Parque Brasil, a ampliação e reforma da infraestrutura esportiva deveria ter sido entregue em 25 de outubro de 2013, mas ainda há muito a se fazer. É possível ver tijolos para a composição da calçada largados no meio-fio e falta de acabamento:

 

 

Ainda neste bairro, uma academia ao ar livre já deveria ter sido instalada até o dia 24 de novembro de 2013, mas o que se vê é muita terra no local:

 

 

Um dos atrasos que fazem os moradores mais sofrerem é o da reforma da UBS (Unidade Básica de Saúde) do Jardim das Indústrias. A reforma deveria ter sido entregue no dia 2 de setembro de 2013:

 

Vitrine da administração petista, a  construção da unidade do EducaMais do Parque dos Sinos, em um terreno de 20.000 metros quadrados, também não terminou. Iniciada em julho de 2011, com prazo de 20 meses para a conclusão,  a última data de entregue estava prevista para abril deste ano, mas ainda podem ser vistos tratores e material de construção no entorno da obra. Também não há nenhuma placa indicando quando ela ficará concluída, apenas uma da construtora, sem datas.

 

 

Os gastos iniciais com a construção eram de R$ 17 milhões e já saltaram para R$ 20 milhões.

 

 

Outro lado

 

Procurada pelo Nossa Jacareí, a prefeitura enviou as seguintes explicações:

 

A Prefeitura de Jacareí esclarece que a obra do Parque Brasil teve uma alteração no prazo de conclusão por conta de atrasos da empresa contratada. A entrega está prevista para o início de julho. A Secretaria de Esportes está acompanhando todo o andamento da obra, que contempla a revitalização de toda a área de lazer do bairro.

Quanto à instalação da academia ao ar livre no local, os equipamento serão colocados logo após o término da obra, para a própria segurança e conforto dos frequentadores. No local será disponibilizado um professor para orientar a população sobre as atividades da academia.

O valor da obra do Parque Brasil é de um convênio com o Ministério dos Esportes e também contempla uma área de lazer no Parque Imperial. O valor deste convênio é de R$ 640.028,51 e já foram gastos R$ 503.093,51 – lembrando que são para as duas obras. Houve um aditamento de valor de R$ 88.509,38 e o valor final do contrato está emR$ 728.537,38.

Em relação ao EducaMais Parque dos Sinos, a Secretaria Municipal de Educação informa que já foram executados mais de 90% da obra. A previsão de entrega é para o início do segundo semestre deste ano. Nesta etapa estão sendo finalizadas as obras externas do complexo, que tem cerca de 20 mil metros quadrados — como acesso, pintura, cobertura, instalação de vidros e portas, e todo o acabamento da parte civil.

O núcleo possuirá um Centro de Formação dos Professores, composto por 10 salas multiplex, inclusive com uma sala de espetáculos. São salas retráteis, de treinamento e espaço multiuso. O EducaMais Parque dos Sinos possuirá ainda uma creche para 150 alunos, um Centro da Terceira Idade e um espaço para aulas de Educação Ambiental.

Do investimento de cerca de R$ 25 milhões, cerca de 94% já foram pagos para a empresa.

Com relação à placa, ela foi retirada para a execução das obras de acesso em frente aos tapumes da construção e será recolocada nos próximos dias.

E quanto à Unidade Básica de Saúde do Jardim das Indústrias, a Prefeitura esclarece que a unidade está sendo reformada e ampliada visando maior conforto e qualidade para os usuários e funcionários. Durante a reforma, os pacientes estão sendo atendidos na UBS do Parque Brasil. A obra prevê a reforma dos seis consultórios multiprofissionais e o consultório odontológico já existentes no prédio. Outra melhoria é a adequação do dispensário de medicamentos, a readequação das salas de enfermagem – que conta com sala de medicação, vacina, inalação e curativo –, os dois sanitários para usuários, a sala da supervisão e o almoxarifado. A reforma também inclui a revisão da rede elétrica e hidráulica e a aquisição de novo mobiliário e equipamentos modernos. Com a ampliação, a unidade contará com um anexo composto por sala de reunião, abrigo de resíduos sólidos de serviços de saúde, área de conforto dos funcionários com sanitários, vestiários e nova área de alimentação e serviços.

A Prefeitura esclarece que foi necessário fazer aditamento de prazo por adequações no projeto e imprevistos na obra. Do total de R$ 423,278.69 previstos no contrato, já foram gastos R$ 287,554.36, o que corresponde a 68% do total.

(Secretaria de Comunicação Social)

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %


Comentar via Facebook

Comentário(s)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.