Jacareí está preparada para iniciar campanha de vacinação contra a Covid-19

3 0

Foto: Câmara fria onde serão estocadas as vacinas contra a Covid-19

Após mais de dez meses do início da quarentena no Estado de São Paulo, Jacareí está preparada para iniciar o Plano de Imunização Municipal contra a Covid-19. A cidade seguirá o cronograma de vacinação dos governos Estadual e Federal. A previsão de início da campanha é dia 25 de janeiro.

De acordo com a Secretaria de Saúde, atualmente a Prefeitura tem estoque de insumos suficiente para vacinar, em duas doses, toda a população de risco. São aproximadamente 45 mil pessoas, entre profissionais da saúde e idosos, que se enquadram nos requisitos da primeira etapa do plano de imunização.

“O Centro de Contingência de Jacareí já se reuniu e elaborou o plano de imunização municipal, seguindo as diretrizes estadual e nacional. Atualmente, temos 260 mil agulhas e seringas em estoque e previsão de chegada de mais 240 mil unidades de cada, além de uma câmara fria para armazenamento das vacinas. Essa quantia será suficiente para imunizar, em duas doses, toda a população de Jacareí”, afirma Fabio Prianti, diretor de Vigilância em Saúde do município.

A prefeitura preparou toda a estrutura física e profissional para colocar em prática o plano de imunização. Estão sendo contratados, temporariamente, 54 profissionais da saúde, entre enfermeiros e auxiliares de enfermagem. Todas as 18 unidades de saúde e mais sete ‘postos volantes’ serão utilizados para a campanha.

“Além da contratação temporária dos profissionais, vamos utilizar os postos volantes para atender a população. Essa é uma estratégia para regionalizar a vacinação e evitar aglomeração de pessoas. Além das unidades de saúde, utilizaremos a estrutura dos EducaMais”, conclui Prianti.

Plano Estadual de Imunização

No dia 6 de janeiro, o Governo do Estado de São Paulo anunciou o Plano de Imunização Estadual contra o Coronavírus. A primeira etapa de vacinação vai priorizar profissionais da saúde, pessoas com 60 anos ou mais e grupos indígenas e quilombolas.

A expectativa do Estado é que 9 milhões de pessoas sejam imunizadas na primeira etapa, que deve ter início em 25 de janeiro, com a aplicação de 18 milhões de doses, até o dia 28 de março. A estimativa é de que a vacinação envolva cerca de 79 mil profissionais, com 54 mil trabalhadores do setor da saúde e 25 mil agentes da segurança pública para garantir a segurança da população e evitar aglomerações nos locais de imunização.

Happy
Happy
22 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
78 %
Sleppy
Sleppy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %


Comentar via Facebook

Comentário(s)

Average Rating

5 Star
0%
4 Star
0%
3 Star
0%
2 Star
0%
1 Star
0%

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *