Brasil fatura 2 ouros no 4×100, é tetra no masculino e passa Argentina na história do Pan

0 0

O atletismo brasileiro conquistou duas medalhas de ouro no revezamento 4×100 m rasos, dominando tanto a prova masculina quanto a feminina nesta sexta-feira, durante o Pan de Guadalajara. Além do tetra no masculino e o bom resultado no feminino, coroando as conquistas individuais dos outros dias de competição, o país de quebra passou os ouros da Argentina no quadro de medalhas geral da história dos Pans, segundo os números oficiais da Organização Desportiva Pan-Americana (Odepa). E fechou a sexta (28) com uma prata no 4x400m.

Com estas vitórias, e os triunfos de Leandro Cunha e Bruno Mendonça no judô, e Diego Hypolito na ginástica artística, o Brasil chega a 281 medalhas de ouro no Pan-Americano, uma a mais que os argentinos. Esta é a primeira vez na história dos Jogos Pan-Americanos que o Brasil fica à frente da Argentina no quadro geral de medalhas. Os “hermanos” construíram uma boa vantagem na primeira edição da competição. Em 1951, em Buenos Aires, os argentinos conquistaram 68 medalhas de ouro, contra apenas cinco dos brasileiros.

A diferença foi tão grande que a delegação brasileira demorou 60 anos para conseguir tirar essa vantagem. A excelente campanha no Rio-2007, com 52 ouros, e as 44 conquistadas agora em Guadalajara fizeram com que os brasileiros ultrapassassem os rivais.

Nesta sexta, a primeira conquista no revezamento veio com as meninas. O Brasil já havia mostrado boa forma nas provas femininas de velocidade nos primeiros dias do Pan, com ouros de Rosangela Santos nos 100 m e Ana Claudia Lemos nos 200 m rasos.

Nesta sexta-feira, os resultados foram coroados com um título em conjunto. Contando com as duas campeãs, as garotas do Brasil ficaram com o título do revezamento 4×100 m, dominando uma prova que tem tradição de vitórias no masculino.

Com informações do Uol.

Happy
Happy
0 %
Sad
Sad
0 %
Excited
Excited
0 %
Sleepy
Sleepy
0 %
Angry
Angry
0 %
Surprise
Surprise
0 %


Comentar via Facebook

Comentário(s)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.